Retrospectiva 2019: o que rolou no site

Compartilhe:

O ano termina, mas a gente não podia de fazer uma retrospectiva deste ano que não só marcou o fim de uma década, mas também de acontecimentos estranhos e claro que fizemos uma lista com 19 fatos que foram escritos no site, que chamaram atenção dos leitores. Será que você vai gostar da lista da nossa Retrospectiva 2019? Confira:

           1. Masculynah

O Brechando entrevistou o Arthur Benozzati, também conhecido por Masculynah, e contamos detalhes da sua vida que transformou após ser uma celebridade de internet. Confira a entrevista por aqui.

       2. Malfeitona

Falando em influências da internet brasileira, a gente conheceu a baiana Helen, que faz tatuagens super engraçadas. Conhecida na internet pelo nome de Malfeitona, ela fez uma rápida passagem na capital potiguar e não só a entrevistamos, como fizemos uma tatuagem. Claro que não podíamos deixar de falar dela na Retrospectiva 2019. Confira a entrevista aqui.

       3. Campus Party

A Campus Party voltou para Natal em 2019, em uma versão mais enxuta e isso não quer dizer que foi ruim. Fizemos um especial juntando várias matérias realizadas pelo evento, só para dar um gostinho do nosso leitor de ir ao evento no ano que vem.  Confira aqui.

      4. Brechando o Bacurau

Jornalista Bethise Cabral esteve Brechando a estreia de Bacurau aonde tudo começou

A jornalista Bethise Cabral assistiu a estreia do filme brasileiro “Bacurau” no Distrito de Barro, na cidade potiguar de Parelhas. Lá foi o cenário da gravação da premiada obra de Kleber Mendonça Filho,. no qual o texto pode ser lido por aqui.

        5. Tsunami da Educação

Após o Ministério da Educação ter declarado corte nas verbas dos institutos e universidades federais, os estudantes foram as ruas para protestar, gerando uma das maiores manifestações contra a atual gestão do Governo Federal. Confira aqui.

       6.  Origem do fiscal de gay



Para começar o ano de 2019, a gente falou da origem das pessoas implicarem com gays. O resultado está neste artigo aqui.

       7. Maria do Rosário

Fizemos uma entrevista com a deputada federal Maria do Rosário, que realizou uma palestra para falar sobre Direitos Humanos em Natal. O Bate-Papo está aqui.

       8.  Mada 2019

O Brechando acompanhou mais um ano do Festival Mada, no qual fizemos duas matérias especiais. Confiura o resultado deste trabalho.

        9. Dosol 2019

Festival Dosol 2019

Além do Mada, cobrimos o Dosol, um outro festival de música alternativa da cidade e que está firmando na Via Costeira. O resultado pode ser conferido por aqui.

       10. PT no evento do PT

Essa foi a vez que tomei um porre de corote em um evento do PT (Partido dos Trabalhadores) e tive uma Perda Total (também conhecida como PT). Nesta Retrospectiva 2019 vamos relembrar este acontecimento que marcou não só no Brechando, mas em todo o meu ciclo social. Confira!

       11. Gatinhos da UFRN

Após várias tentativas de projeto para adotar os gatos da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), um grupo criou a iniciativa “Gatinhos da UFRN” e todos os detalhes você pode conferir aqui.

             12. Corrida de rolimã

Alguns gostam de brincar de kart, porém o carrinho de rolimã ainda é uma tradição entre os brinquedos, principalmente quem quer uma aventura em descer numa ladeira em alta velocidade. Nos primórdios de um skibunda, o rolimã esteve presente na brincadeira da criançada, desde a confecção até em altas corridas na rua com os amigos. Para resgatar esse espírito de nostalgia, um grupo de moradores em São Gonçalo do Amarante, região Metropolitana de Natal, criaram a Corrida de Rolimã, que em 2019 entrou em sua sétima edição. Além de ser uma competição, a competição é um momento de confraternização com os moradores do Jardim Lola.

O que era para ser apenas uma brincadeira entre vizinhos, virou um evento que está na agenda da cidade. Todos vão para a rua Humaitá para ver os competidores descendo de ladeira abaixo com os seus carrinhos de rolimã.

Após dois anos que cobri a primeira vez do evento, eu resolvi fazer uma pesquisa mais empírica e quis saber como é descer numa ladeira em um carrinho de rolimã a partir de uma competição entre os jornalistas. Esta é mais uma aventura postada no Brechando Vlog.

    13. Fátima Mello

Claro que não podemos deixar de mencionar ela na Retrospectivas 2019. Falamos de um patrimônio do Rio Grande do Norte tanto na televisão quanto na música potiguar, a Fátima Mello tem uma história impressionante e você pode ler sua biografia por aqui.

    14. Maitê e a legalização da maconha

Na cidade de Mossoró, a Polícia Militar prendeu uma advogada transexual, chamada de Maitê Ferreira, simplesmente por ser maconheira, sob o argumento que ela era traficante. O Brechando discutiu em um artigo a importância da legalização e você pode conferir por aqui.

          15. Plano Diretor de Natal

Neste ano aconteceu a revisão do Plano Diretor de Natal, que visa na estruturação de uma nova urbanização da capital do Rio Grande do Norte. Essa revisão acontece a cada 10 anos e recentemente reacendeu a chama de um velho questionamento: a verticalização da orla. Por isso, o Brechando resolveu explicar as polêmicas relacionadas ao novo Plano Diretor em tópicos e todos os detalhes podem ser visto neste link.

       16. Samba do Beco da Lama

O samba feito pela banda Batuque de um Povo existe há dois anos, mas as rodas de samba que acontecem em frente ao Bar de Nazaré já existe desde 2008, quando o grupo Arquivo Vivo começou a fazer o seu próprio som. Hoje, a quinta está marcada para o principal acontecimento de samba na cidade. Aqui na Retrospectiva 2019 tem um vídeo mostrando a curiosidade sobre o evento.

         17. Júnior Groovador

O ator e comediante Jack Black e Júnior Groovador se encontraram. O show do Tenacious D, banda do humorista, aconteceu no Rock In Rio na noite deste sábado (28). O encontro era um dos mais esperados na noite, visto que Black, conhecido pelos filmes Nacho Libre e Escola do Rock, compartilhou um vídeo do baixista potiguar Júnio Groovador, conhecido na internet brasileira por tocar baixo nas bandas de forró da cidade do Natal e por dançar de um jeito bem descontraído enquanto toca. O vídeo em questão foi uma performance dele tocando “Smells like a teen spirit “, do Nirvana, apesar de existir vários vídeos fazendo perfomance de outras músicas de forró com rock.  A mensagem do texto da postagem dizia:

Tenacious D está chegado ao Rio no dia 28 de setembro…Algúem por favor me passe o contato com Júnior Groovador?

Após uma forte mobilização feita pela internet, a equipe do Rock In Rio ajudou a promover esse encontro e a apresentação do baixista potiguar com a banda Tenacious D era uma das mais esperadas da noite, principalmente pelos potiguares. E os detalhes podem ser visto a seguir.

            18. São João em Potilandia

Quando penso em junho no conjunto Potilândia, em Lagoa Nova, penso rapidamente nas festas juninas da minha infância. Quando passava férias na casa dos meus avós em Natal era o período do então famoso Arraía da Esmeralda, que inicialmente era para ser uma festa pequena na rua da Esmeralda, mas tomou o conjunto inteiro, chegando a ter bandas grandes tocando. Ideal para aquele bate-coxa com o boy. Tinha forró, fogueira, comidas típicas e inclusive um mini-parque de diversão, no qual andei pela primeira vez de roda gigante.  Para a minha eu criança, era o momento ideal para tocar o terror. Quer dizer, soltar bombinha e ficar vestida de matuta como se fosse uma fantasia de carnaval.

Chegou os anos 2000 e as festas foram ficando cada vez mais fracas, até desaparecer por completo, no qual falamos a história da festa no Brechando e você pode conferir neste link. O silêncio do baile junino acabou nesta década e a gente brechou esta festa maravilhosa, veja este link.

             19. A história do potiguar que teve um filho torturado na ditadura

A Retrospectiva 2019 relembrou a história do potiguar Dermi Azevedo que foi uma das vítimas do Governo que durou 21 anos e ainda teve que ver o seu filho torturado ainda bebê. As sequelas de seus problemas existem até hoje, visto que é portador do Mal de Parkinson por conta das fortes agressões que sofreu enquanto estava preso. Ele foi um dos criadores do Movimento Nacional de Direitos Humanos (MNDH) . Sua história pode ser conferida por aqui.

E, aí, gostou da Retrospectiva 2019?