Projeto ajuda resgatar gatinhos da UFRN

Compartilhe:

Todos sabem que dentro da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) existe vários moradores e eu não estou falando de seres humanos, mas sim de felinos. É normal entrar em uma sala de aula e ver um gatinho sentado na carteira da frente ou pedindo comida na mesa da cantina.

A vontade é de adotar todos os gatinhos, não é mesmo?

O problema é que utilizam a universidade como espaço para abandonar os gatos, os mesmos cruzam entre si e deixa a universidade com superpopulação de gatinhos, no qual a maioria vivem nas piores condições possíveis, alguns chegam a ser maltratado pelas pessoas, ficando feridos e perdendo até os olhos.

Mas o que fazer para controlar a população de gatos? Um grupo de estudantes criou um Instagram chamado Gatinhos da UFRN, no qual os bichanos são resgatados, castrados e prontos para serem levados para adoção.

Além disso, os moderadores da página fazem mutirão para arrecadar dinheiro para cirurgias, ração e tratamento de veterinário para os gatinhos.

Em cada post, um gato é colocado pra adoção e mostra as ações que já foram feitas para o gatinho. Quem se interessar, manda uma mensagem por inbox é um gatinho recebe uma família e um lar para chamar de seu.

Recentemente, o projeto foi aprovado pela universidade como um projeto de extensão.

Confira a seguir um post de cada gato a seguir:

View this post on Instagram

8 DE AGOSTO – DIA MUNDIAL DO GATO 🐈 . Os gatos ainda são grandes alvos de preconceito e maus-tratos, mas no dia de hoje, queremos lembrar do que é bom. Lembramos dos gatinhos que marcaram esse projeto e, consequentemente, deixaram suas marcas na gente. Nem todos eles tiveram a chance de conhecer um lar amoroso, mas todos eles puderam conhecer o amor que lhes dedicamos, apesar dos seres humanos sem um pingo de humanidade que tiraram suas vidinhas. Esse mundo não merece criaturas tão amorosas. Nem todos eles tinham nomes, mas nós sempre lembraremos de Gorete, Frajolinha, Milli, Porfírio, do esquadrão dos pretinhos (do qual Pretinha fazia parte), de Bella, Alaska, dos gêmeos recém-nascidos e resgatados. . O projeto foi criado sem muita pretensão, mas por causa deles, tomou proporções maiores. Tem vezes que a vontade de desistir é grande, mas olhamos pra eles e vemos o quanto vale a pena. . Pedimos que cuidem dos seus gatinhos e nos ajudem a continuar mudando a realidade dos gatinhos da UFRN. Doe, seja dinheiro, tempo, medicamentos… O que puder, já ajuda. . Adote e seja adotado por um deles. Se não puder adotar, apadrinhe o projeto. Nos ajude a fazer diferença no campus. Os gatinhos agradecem. . . . #diamundialdogato #internationalcatday #gatinhosdoru #gatinhosdaufrn #adoteumgato #adotenatal #ufrn #natal

A post shared by Gatinhos da UFRN (@gatinhosdaufrn) on

View this post on Instagram

Hoje bem cedo, recebemos um pedido de ajuda pra dois filhotes recém-nascidos que estavam abandonados debaixo de chuva no Centro de Convivência. Não tínhamos nem 30 reais em caixa ou lar temporário, mas como ver isso e não tentar fazer nada? Confirmamos que faríamos o resgate e iniciamos o que podíamos fazer, e as coisas foram acontecendo. Pessoas muito boas nos ajudaram, e não só conseguimos o lar temporário, como também recebemos doação de fórmula e petmilk, e tivemos recursos suficientes pra comprar mais petmilk e uma mamadeira. Quando falamos que, juntos, podemos mais, é sobre isso que estamos nos referindo. . Queremos agradecer a todos, mas especialmente a @mari.rocha28 , que entrou em contato conosco pra salvar os gatinhos e, junto com amigos, ficou com eles até a hora de podermos ir resgatar; @canedo_anaa , que nos doou um pacote de petmilk; a @tita.stella e @krol.car , adotantes de Milli e, agora, lar temporário dos nossos gêmeos resgatados. Vocês são anjos! ❤️ . Sobre os gatinhos, serão levados pra primeira avaliação veterinária em 30 dias. Até lá, serão alimentados, cuidados, aquecidos e amados, até estarem prontos pra serem adotados. Caso tenha interesse em ficar na fila, é só falar com a gente. Daremos prioridades a adoção conjunta sem rotas de fuga. . Por fim, pedimos que continuem nos ajudando, seja financeiramente, com medicamentos, lares temporários, divulgação, como for… Aos poucos, podemos mudar a realidade dos gatos da UFRN. . . . #gatinhosdoru #gatinhosdaufrn #adoteumgato #adotenatal #ufrn #natal

A post shared by Gatinhos da UFRN (@gatinhosdaufrn) on

View this post on Instagram

[ADOTE PRETINHA] . Gente, infelizmente, houve um imprevisto com a pessoa que iria adotar Pretinha e os planos precisarão ser mudados 🙁 A boa notícia é que este belo espécime de pantera negra está novamente disponível para adoção, cheia de fofura e amor. . Pretinha é uma das resgatadas do RU. De alguma forma, ela conseguiu fugir do que matou os outros gatinhos. No momento está em lar temporário, mas só pode ficar lá por mais alguns dias, pois a pessoa responsável precisará viajar. . Procuramos um lar amoroso e pessoas responsáveis para serem a nova família de Pretinha. Com menos de um ano, ela já estava na terceira gravidez quando foi resgatada. A vida nas ruas foi dura com ela, mas agora ela está bem, procurando por um ser humano que queira ser adotado por ela. . Pretinha é uma gata extremamente esperta e carinhosa. Padeira por vocação, amassa altos pãezinhos na barriga das pessoas. Sempre que percebe uma câmera apontada, faz charme pra receber um afago. Pretinha também é muito higiênica. Sabe usar caixinha de areia e se limpa com maestria. . Pretinha já está castrada e vermifugada e vacinada com antirrábica, faltando apenas o FIV/FeLV e a vacina viral, com os quais o projeto pode ajudar. . Procuramos por um lar sem rotas de fuga (muros muito altos ou janelas teladas), além de humanos que tenham consciência da responsabilidade de cuidar de uma vida. . Quem será que vai mudar a vida dessa pantera maravilhosa? . . . #AdotePretinha #gatinhosdoru #ufrn #adotern #adoteumgato #natal #adotenatal #gatinhosdaufrn

A post shared by Gatinhos da UFRN (@gatinhosdaufrn) on