Malaquitas/RN existe mesmo?

Aperte nestes botões para aumentar a fonte:

(Diminuir/Resetar/Aumentar)


Na novela das 21 horas, Amor de Mãe, que voltou ao ar semana passada, o RN é um dos cenários do folhetim. Há 26 anos, em Malaquitas (RN), Jandir vendeu o filho Domênico, de 2 anos, para Kátia, uma aliciadora de menores do Rio de Janeiro. Sua mulher, Lurdes, ao saber, o matou, o que a fez partir com os demais filhos pequenos (Magno, Érica e Ryan) para o Rio na esperança de resgatar Domênico.

No meio do caminho, no entanto, conseguiu adotar a Camila. Mas, afinal, Malaquitas existe? Este é o objetivo do post.

A cidade potiguar, no entanto, é apenas na ficção. Ou seja, não existe mesmo. Além disso, não há algum distrito por este nome.

Se Malaquitas existisse ficava onde?

De acordo com a personagem de Lurdes, Malaquitas ficaria na região Oeste do Rio Grande do Norte, próximo da cidade de Mossoró. Se pegarmos o mapa de Mossoró, Malaquitas poderia ser muito bem as cidades limites do município, como Baraúna, Tibau, Grossos, Areia Branca, Serra do Mel, Assú, Upanema e Governador Dix-Sept Rosado.

A seguir, portanto, está o mapa de Mossoró, as cidades vizinhas e os seus distritos:

Quantas cidades tem o Rio Grande do Norte ?

Ao todo, o Rio Grande do Norte em 167 municípios, sendo que a cidade mais nova é Jundiá, que emancipou em 2000. Ou seja, há 20 anos.

Origem do nome Malaquitas

Malaquitas é um mineral que vem da alteração de cobre. Antigamente, o pigmento da pedra era matéria-prima de pinturas verdes da antiguidade até aproximadamente 1800.

O pigmento é moderadamente resistente à luz, muito sensível a ácidos e variável na cor. Quando a malaquita fica em contato com a água por muito tempo, sua cor muda para vermelho alaranjado. O tipo natural tem sido substituído por sua forma sintética, verditer entre outros verdes sintéticos.