Por que o nome Santo Antônio do Salto da Onça?

Aperte nestes botões para aumentar a fonte:

(Diminuir/Resetar/Aumentar)


O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, o IBGE, denomina um dos municípios do Rio Grande do Norte de Santo Antônio. No entanto, ninguém a chama apenas por esse nome, uma vez que popularmente tem o nome de Santo Antônio do Salto da Onça. Mas, qual foi o motivo desta alcunha?

Salto da Onça era o nome original do povoado, no qual recebeu este nome após um caçador ter matado uma onça.

Segundo a lenda da região existia uma pedra rachada ao meio, com uma fenda medindo cerca de três metros. Contam os mais antigos que uma onça foi ferida mortalmente em pleno salto sob a fenda por um caçador.

Assim, veio a denominação Salto da Onça, que por muito tempo denominou o povoado.

Anos depois, a fazendeira Ana Joaquina de Pontes comprou a propriedade e as pessoas começaram a povoar nas redondezas em 1850. Após a sua morte, Ana Joaquina teve seu sepultamento próximo da fenda que a onça deu o salto. Hoje, o túmulo está coberto pela mata.

Mas, o vigário da região não queria este nome, “Salto da Onça”, para a região. Assim, ele resolveu nomear o povoado de Santo Antônio. Entretanto, popularmente, todo mundo chama de Santo Antônio do Salto da Onça.

A história tem várias versões narradas por Manoel Dantas, Câmara Cascudo e Gumercindo Saraiva, no qual inclusive foi contada em córdeis. Além disso, os naturais da região também fazem questão de repassar a história adiante.

Hoje, o local que tem a famosa fenda de três metros é um parque turístico aberto para a comunidade.