10 curiosidades sobre os prefeitos eleitos do RN

Aperte nestes botões para aumentar a fonte:

(Diminuir/Resetar/Aumentar)


Após falar dos vereadores eleitos de Natal, vamos falar dos prefeitos do RN. Todos nós sabemos quem já foi eleito e quem não foi, sem contar que descrevemos os candidatos a prefeitos no Twitter do Brechando. Por isso, para não ficar repetitivo, resolvemos colocar 10 curiosidades sobre os prefeitos eleitos, algumas são realmente peculiares e vale a pena conferir a lista:

1) Álvaro Dias é prefeito de Natal, mas ele é de Caicó

Álvaro Dias é um dos candidatos filiados ao PSDB que querem ser prefeitos

O Álvaro Dias não começou a sua carreira política na capital potiguar. O médico nasceu e cresceu em Caicó, onde conseguiu seu eleitorado e conquistou o cargo de deputado estadual. Seu encontro com Natal aconteceu em 2016, quando o MDB, partido que era filiado, se juntou com Carlos Eduardo Alves. Álvaro era vice de Alves. Mas, assumiu a prefeitura quando o ex-prefeito tentou se eleger governador, mas perdeu para Fátima Bezerra.

2) Rosalba Ciarlini iria para o quinto mandato

Nos anos 90 e 2000, Rosalba havia cumprido três mandatos como prefeita de Mossoró, segunda maior cidade do RN. Após sair do Governo do Estado, ela voltou a se candidatar em Mossoró. Mas, desta vez, perdeu as eleições para Allyson, do Partido Solidariedade.

3) PT conseguiu só eleger em Afonso Bezerra, Currais Novos e Sítio Novo

Das 27 cidades que o PT se candidatou, a cidade só ganhou apenas em três municípios. Enquanto isso mais da metade das cidades está dominada pelo PSDB, DEM, MDB e PSD. No entanto, o PSOL conseguiu eleger o prefeito na cidade de Janduís.

4) Salomão Gurgel foi o candidato do PSOL que venceu na cidade de Janduís

Com mais de 50% dos votos, o povo de Janduís decidiu que Salomão Gurgel seria o prefeito da região, derrotando Sílvia Helena. Além disso, o atual prefeito, Zé Bezerra, iria tentar a releição, mas renunciou. A única vez que o partido foi eleito em Município do RN foi na cidade de Jaçanã em 2016.

5) 28,16% dos natalenses não quiseram votar

Mais de 150 mil resolveram faltar a votação ou justificar os seus votos. Já os votos nulos contaram com quase 10%, mais votos do que o Sérgio Leocádio.

6) O prefeito mais novo do Rio Grande do Norte tem 21 anos

Este jovem da foto acima se chama Pedro Henrique e é o mais novo prefeito da cidade de Pedra Preta. O mesmo foi eleito com 51% dos votos e esta é a sua primeira eleição, mas já atuava como secretário municipal da atual gestão, administrada pelo seu tio, Luiz de Haroldo.

7) Apenas uma pessoa negra venceu as eleições

O candidato Babá, do partido Republicanos, é novamente o prefeito eleito de São Tomé com mais de 56 por cento dos votos.

8) Dos 50 prefeitos que tentaram releição, 30 apenas conseguiram se releger

Uma gestão falada nas mídias nem sempre é sinônimo de releição, mas alguns não conseguiram se eleger, como Jorginho (Tangará), Alexandre Petronilo (Parelhas), Edilson Júnior (Sítio Novo) e a Rosalba Ciarlini (Mossoró).

9) O prefeito eleito de Tangará é o mais velho de todos dos prefeitos eleitos do RN

O médico José Airton é considerado o mais novo prefeito de Tangará e tem 69 anos, sendo o Chefe do Executivo Municipal mais velho das 167 cidades do RN. Mas, esta não é a única curiosidade interessante.

10) Ele perdeu as duas pernas após um acidente

Em Tangará é conhecido pelo nome de Doutorzinho, por causa de sua altura e de sua deficiência que foi causada por um terrível acidente de trabalho. Tudo começou quando ele trabalhava no Exército e durante um treinamento uma granada explodiu em cima dele, por conseguinte, foi hospitalizado, amputando as suas duas pernas, acabando com sua carreira militar. Após sair das Forças Armadas, o mesmo resolveu estudar no supletivo e passou no vestibular de medicina. Inicialmente, ele usava pernas mecânicas, mas não se adaptou e resolveu utilizar uma prótese diferenciada, como da foto acima.