Cabrito quer disputar vaga de vereador em Natal

Compartilhe:

Cabrito ou Tertuliano Aires anunciou neste mês nas redes sociais que é pré-candidato a vereador de Natal, através do PC do B. As eleições estão previstas, inicialmente, para outubro deste ano. Mas, não sabemos se será adiada, uma vez que o Brasil e o mundo estão passando pela crise por conta do aumento de infecções do Covid-19, apesar de não haver declaração do Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

Imaginando a polêmica na Câmara Municipal de Natal, uma vez que Júnior Groovador já admitiu que vai ser candidato na imprensa potiguar.

O anúncio feito com a imagem de Lenin, líder da Revolução Russa de 1917, pode ser vista a seguir:

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Terto Aires (@airesterto) em

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Terto Aires (@airesterto) em

Os amantes da noite natalense sabem quem ele é pelo fato de fazer shows nos principais cabarés da capital potiguar e pelas músicas nada puritanas.

Sua carreira musical, entretanto, é de longa data, uma vez que atua como compositor de longa data e já teve músicas interpretadas por Khrystal.

O Cabrito é pornográfico e ele mesmo admite isso. Tornou sucesso na internet no início de 2010 e quando faz shows nos cabarés é prejuízo para as prostitutas, pois todo mundo quer ouvir o seu brega pornô.

A ideia surgiu no final dos anos 80, durante o veraneio em Pititinga, quando ficava parodiando as músicas de famosos com letras escrachadas, debochadas e obscenas.

As primeiras composições foram feitas em 1997 e as gravações distribuídas em fitas cassetes.

Em 2012, ele lançou o DVD “Os Nominhos Que Ela Tem”, que é uma frase de uma de suas músicas que fala sobre a vagina.

Por trás do cantor Cabrito

Tertuliano Aires nasceu em Mossoró e veio para capital do Rio Grande do Norte aos 12 anos, em 1968, pois sua família estava procurando um emprego. Começou a sua carreira musical na década de 70, quando ingressou na banda Alcateia Maldita. Todos integrantes tocavam rock n’roll e faziam músicas próprias. Com o fim da banda, ele começou a escrever as suas canções.

Apesar de estarem no corpo de uma só pessoa, o Cabrito e Tertuliano têm características diferentes. Cabrito ou Tertuliano disse que queria fazer essas canções para obter um diferencial e que faltavam músicas diretas. Os ritmos das canções são do estilo brega. Apesar de estarem no corpo de uma só pessoa, o Cabrito e Tertuliano têm características diferentes, visto que a segunda pessoa citada possui um trabalho mais social.

O nome Cabrito surgiu visto que é um dos nomes do demônio que para ele é nada mais que o copo, as vontades e o prazer. Sobre a censura, ele afirma que já sofreu sim e que os movimentos sociais implicam muito com ele.

Há oito anos, nos tempos que ainda era uma foca, fiz uma entrevista com ele para o Portal Nominuto, que pode ser conferida a seguir.

Escute a seguir o Cabrito: