Quais são as Escolas de Samba de Natal?

Aperte nestes botões para aumentar a fonte:

(Diminuir/Resetar/Aumentar)


No mesmo período que surgiram as primeiras escolas de samba no Rio de Janeiro, a capital do Rio Grande do Norte também dava os seus primeiros passos, nos bairros da Ribeira, Cidade Alta e Alecrim. A primeira escola que se tem registro é a Batuque do Morro, na década de 30. Nas décadas de 50 apareceu Asa Branca. Porém, o berço do samba potiguar é o bairro das Rocas, onde nasceu a tradicional Malandros do Samba. Ninguém sabe exatamente a origem do samba, mas sabemos que a Malandros surgiu na porta da Igreja Sagrada Família que fica no bairro da zona Leste. A gente falou um pouco da história das escolas neste link.

Mas, quais são as principais Escolas de Samba de Natal? Vamos contar quatro tradicionais da cidade a seguir:

Balanço do Morro

Escolas de Samba de Natal

A Balanço do Morro surgiu em 1966, quando integrantes da Malandros do Samba deixaram a antiga escola e criaram uma nova. Hoje, a Balanço e Malandros são as principais rivais do carnaval natalense. O verde e rosa lembra um pouco a Mangueira e é a atual campeã. Embora sua origem seja nas Rocas, a quadra fica na rua Chile, no bairro da Ribeira. Foi a maior campeã da Escola de Samba de Natal, levando mais de 30 prêmios.

Malandros do Samba

Resultado de imagem para malandros do samba

Surgiu no ano de 1958 e defende as cores, azul, vermelho e branco. Foi fundada na porta da Igreja Matriz Sagrada Família por Aluízio Pereira, Toinho Costureiro, João Bem-Te-Vi e Manoel Farrapo.É uma das mais tradicionais escolas da cidade, porém existe uma história triste envolvendo o carnaval natalense. Os integrantes estavam no ônibus que ocasionou a Tragédia do Baldo em 25 de fevereiro de 1984, no qual falamos por aqui.

Imperatriz Alecrinenese

Escolas de Samba de Natal

A escola de samba Imperatriz Alecrinense foi fundada no dia 18 de Fevereiro de 1986, no tradicional bairro do Alecrim, pelos irmãos Roberto Gonçola de Oliveira e Ronaldo Luiz de Oliveira, tendo as cores amarelo, branco, preto e vermelho. Na década de noventa 90, a Imperatriz se firma como escola de grande porte e em doze anos foi sete vezes vice-campeã e 3 vezes campeã. Esses resultados mostra que a Imperatriz, a herdeira da “Asa Branca” (primeira escola de samba de Natal), disputava em pé de igualdade com as duas grandes escolas (Balanço e Malandro).

Acadêmicos do Morro

Escolas de Samba de Natal

Fundada em 1997, a Sociedade Recreativa Escola de Samba Acadêmicos do Morro é fruto do amor de um grupo de amigos apaixonados pelo mais brasileiro dos ritmos: o samba. Também surgiu para incentivar atividades artísticas e culturais no bairro de Mãe Luíza, berço da maioria dos integrantes, indo na contra-mão das outras escolas que nasceram nas Rocas.

Outras Escolas existentes

Ainda podemos mencionar Batuque Ancestral, uma escola nova, porém está se destacando no carnatal potiguar. Além disso, podemos falar da Grande Rio do Norte, Ferro e Aço, Águia Dourada, Em Cima da Hora e dentre outras.