A música “Pirou Meu Cabeção” tem toques potiguares

Compartilhe:

Um rosto lindo e um sorriso encantador
E um jeitinho de falar que me pirou
Que me pirou o cabeção
Um rosto lindo e um sorriso encantador
E um jeitinho de falar que me pirou
Que me pirou o cabeção
Que me pirou

Esse refrão grudento muitas vezes é confundido com uma música do Charlie Brown Jr, mas na verdade faz parte de uma banda que fez sucesso nos anos 2000 chamada “O Surto”. O clipe desta música fez bastante sucesso na MTV e sempre ficava nas paradas do Disk. Veja o clipe a seguir:

Mas, você sabia que a música foi composta por dois potiguares? Formada em 1994 em Fortaleza, Ceará pelos cearenses Reges Bolo (voz) e Zé Wilclei (guitarra), o grupo contava ainda com dois potiguares, o  Franklin Roosevelt (baixo) e Jucian Carlos (bateria). A banda lançou seu primeiro trabalho independente em 1997, o título do álbum levando o mesmo nome da banda. O sucesso do disco fez com que a banda se apresentasse no Skol Rock Festival de 1998, sendo ovacionado como a melhor apresentação do festival. A boa apresentação despertou o interesse da gravadora Virgin, que convidou o quarteto para fazer parte de seu casting. A banda foi para São Paulo, onde conheceram os integrantes dos Raimundos, para quem abriram vários shows.

Em Natal, Franklin tocou no Brutal Brain, Deadly Fate, Folclore, Belina Mamão, Boca de Sino e Carbura.

Foi neste contato com a Virgin Records que lançaram o álbum “Todo Mundo Doido”, produzido por Rick Bonadio (também produziu o Rouge eo Mamonas Assassinas, além de artistas de vários estilos possíveis e impossíveis”, contendo dez faixas, destaca-se o hit “A Cera”, a música mais executada nas rádios brasileiras em 2001, porém ela ficou conhecida pelo nome “Pirou Meu Cabeção”.  Todas as músicas foram compostas pelos integrantes.

O Surto foi convidado a se apresentar no Rock in Rio 3, dividindo o palco com grandes estrelas do Brasil e do mundo como Capital Inicial, Silverchair e Red Hot Chilli Peppers. O sucesso do álbum foi tão grande, que a banda foi convidada a participar de diversos programas de televisão em diversas emissoras como Globo, SBT, MTV, além de festivais por todo o país e uma série de cinco shows inesquecíveis no Japão.

A foto acima do título está o vocalista Reges Bolo e o baixista potiguar Franklin Roosevelt no Rock In Rio, no qual o músico falou da experiência de participar do evento em entrevista ao portal G1.

Depois do festival, o Surto entrou em estúdio para fazer seu segundo disco. Eles gravaram a parte instrumental e saíram para uma turnê de cinco shows no Japão, antes de gravarem os vocais. Mas a banda brigou por lá. Até hoje, o vocalista Reges Bolo ainda usa o nome O Surto e faz shows.

Franklin tem uma empresa de personalização de camisetas e outros brindes. Ele ainda faz shows pelo Nordeste, principalmente em Natal. Em 2010 e 2011, participou de programas de calouros e publicou vídeos no YouTube com paródias de músicas pop. O personagem se chamava Bichanna, trocadilho com o nome de Rihanna.