O que é o Som da Mata?

Compartilhe:

Frases que mais escuto no domingo:

“Vamos para o Parque das Dunas no domingo?”
“Ei, vamos para o Som da Mata?”
“Qual é a banda que vai tocar no domingo no Parque das Dunas?”

A atividade faz parte do projeto Som da Mata, que reúne artistas locais e de outros estados do Brasil para tocarem no Parque das Dunas, um dos importantes pontos turísticos de Natal e uma das poucas áreas de preservação da Mata Atlântica, este é o segundo maior parque ecológico urbano no país, perdendo apenas para a Floresta da Tijuca, no Rio de Janeiro. Lá toca desde bandas de rock até grupos de samba e tudo isso custa 1 real, que é a entrada para o parque. O segredo do Som da Mata: Espere pelo inesperado.

Foto: Tiago Lima

A foto acima mostra um dos shows que aconteceram no anfiteatro, que reúne jovens e adultos, acompanhados dos amigos ou familiares. Eles estão sempre atenados em eventos relacionados à música, por isso é comum ver homenagem aos grandes grupos e estilos musicais genuinamente brasileiros, como o Chorinho e Samba.

Sim, não julgue os shows do Parque das Dunas apenas pela notícia de divulgação, pois a apresentação pode ser melhor que você imaginava, sem contar que vai ficar em volta de um dos lugares mais relaxantes da cidade. A primeira vez que fui ao Som da Mata foi em 2009, quando um grupo de amigos roqueiros me chamaram para um rolé diferente e eles estavam um pouco enjoados de ir à Ribeira todo fim de semana.

O evento era apresentação de uma banda de rock, que era de um professor de um dos meus amigos que fazia direito em uma universidade particular na cidade. Trocava as cervejas e cigarros por pipoca, refrigerante e algodão-doce. Além disso, foi um dos poucos momentos que vi um amigo do colégio que só vestia de preto e usava uma bala de arma no pescoço vestindo uma camiseta branca exaltando a importância de falar o Esperanto.

Geralmente, os shows são anunciados próximo do fim de semana através de matérias enviadas pela assessoria de imprensa do Parque das Dunas ou através das redes sociais. E as fotos são divulgadas através das redes sociais nos dias posteriores.

O projeto Som da Mata teve sua primeira edição em 02 de julho de 2006, com apresentações de música instrumental executada por artistas potiguares no Anfiteatro Pau-brasil do Parque das Dunas, sempre aos finais de tarde de domingo e é a última atividade do parque aos domingos, visto que o mesmo é fechado nas segundas para manutenção. O mesmo acontece graças à renúncia fiscal da Prefeitura através da Lei Djalma Maranhão e do aporte financeiro da Unimed Natal, CEI Romualdo Galvão e Intercity Hotels, além do apoio do Governo do Estado através do Idema que cede o espaço onde acontece o evento.

Em 2016, o evento completou 10 anos e virou um documentário do diretor Carito Cavalcanti, cujo resultado completo pode ser visto a seguir:

Para saber mais, acesse a fanpage aqui.