5 sinais que Natal chegou em Natal-RN

Compartilhe:

Natal é um feriado e festival religioso comemorado anualmente em 25 de dezembro e é o centro das festas de fim de ano e da temporada de férias, sendo, no cristianismo, o marco inicial do Ciclo do Natal, que dura doze dias. A capital potiguar não recebeu este nome a toa, visto que foi fundada no dia 25 de dezembro. Por isso, a cidade é toda decorada não só para celebrar o nascimento do Messias, mas também o aniversário de fundação.

É neste período que a cidade está toda decorada e recebe diversas atividades culturais nas quatro zonas urbanas.

Embora tradicionalmente seja um dia santificado cristão, o Natal é amplamente comemorado, graças aos costumes populares modernos típicos do feriado incluem a troca de presentes e cartões, a Ceia de Natal, músicas natalinas, festas de igreja, uma refeição especial e a exibição de decorações diferentes (ex: árvores de Natal, pisca-piscas e guirlandas, visco, presépios…). Além disso, o Papai Noel  é uma figura mitológica popular em muitos países, associada com os presentes para crianças.

Como a troca de presentes e muitos outros aspectos da festa de Natal envolvem um aumento da atividade econômica entre cristãos e não-cristãos, a festa tornou-se um acontecimento significativo e um período chave de vendas para os varejistas e para as empresas. O impacto econômico da comemoração é um fator que tem crescido de forma constante ao longo dos últimos séculos em muitas regiões do mundo. No Brasil, entrevistas com os lojistas sempre apontam que é o período de maior vendas no comércio, perdendo apenas para o Dia das Mães.

O Brechando fez uma lista com cinco cinais que a festa natalina chegou em Natal. Afinal, se a presença do Roberto Carlos na Globo é sinal de fim de ano, a capital potiguar também apresenta os seus próprios sinais. Confira: