Minha aventura no cinema Drive-In no Canadá

Aperte nestes botões para aumentar a fonte:

(Diminuir/Resetar/Aumentar)


Starlight Drive In é um pequeno cinema ao céu aberto localizado no coração do vale de Okanagan, Columbia Britânica, a mais ou menos 80 Km de distância da cidade de Kelowna onde moro. Esse drive-in é famoso por ser o último a funcionar nessa região, atendendo a demanda de pelo menos cinco cidades vizinhas. Apesar da pouca concorrência o Drive In permanece firme e forte nos seus últimos 15 anos.

Os horários de funcionamento são restritos apenas aos fins de semana, sendo apresentado apenas dois filmes por noite. Sendo o primeiro a partir das 21h30 e o segundo só por volta de meia-noite e meia. Logo, você só precisa pagar a entrada de um ticket para assistir dois, mas saiba que depois que o carro estiver estacionado e o filme começar, não há mais como remover o veículo até que a sessão seja finalizada por completo.

O valor é de 11 dólares (canadenses) por pessoa, que é o equivalente a 32 reais, mas o preço vale a pena, uma vez que você tem direito a passar uma noite ao céu aberto. 

O local é bem espaçoso e após você encontrar seu espaço em alguma das fileiras, você pode montar um pequeno acampamento e interagir com as pessoas ao redor. Muitos vão para lá em grupos e acabam enfileirando em vários veículos juntos para poder aproximar mais o pessoal. Como é limitado, as pessoas costumam chegar com horas de antecedência.

Eu, por exemplo, costumo sair da minha casa por volta das 6 horas da noite para chegar lá por volta das 7h. Durante o tempo de espera, um bom livro, jogar futebol americano ou mesmo participar de algum jogo de tabuleiro sempre é bem vindo.

Os canadenses valorizam bastante coisas simples ao ar livre e o drive in é de longe o ambiente de maior confraternização por aqui. A verdade é que o canadense em si é um povo frio e distante (nenhuma novidade para o brasileiro), mas vê-los unidos conversando em cima da carroceria de uma caminhonete enquanto comem fast food e esperando o filme começar é algo de encher os olhos de alegria.

O que mais incomoda as pessoas é o deslocamento. Chegar envolve certa distância para quem mora em cidades vizinhas distantes, mas o pior é voltar a noite dirigindo pela estrada escura nas montanhas, mas pelo visto muito ainda não se incomodam e aceitam ter isso como desafio.

Starlight Drive In é um cinema Main Stream, logo ele passa os mesmos filmes do catálogo de cinemas Hollywood que estão passando nos cinemas normais. O que mais me surpreendeu foi a qualidade do projetor ser bem avançada e o filme não fica com baixa resolução em nenhum momento. Por sinal, para ouvir ao filme é necessário sintonizar na rádio 106.7, tudo é transmitido diretamente para essa frequência.

Quando uma sessão acaba é hora de voltar para estrada. Caso queira, você  ainda pode optar por assistir a mais um filme e ficar até ao amanhecer. Muitos namorados optam por esperar até esse momento para terem mais intimidade no Drive-In. Casais já começam a frequentar o local aos 16 anos quando já adquirem carteira de motorista.

Drive-In no Brasil

No Brasil, o único cinema neste estilo está em Brasília. O espaço está funcionamento desde 1973, ele também possui a maior tela de projeção cinematográfica do país, com 312 metros quadrados. Ele foi inaugurado em 25 de agosto de 1973, quando o drive-in era moda no Brasil.

O estacionamento do cinema tem capacidade para 500 carros, acomodando portanto até 2,5 mil pessoas. Não há lanchonete, quando os frequentadores querem comprar o lanche acendem o farol do veículo e um garçom vai até o carro receber os pedidos.

Diariamente o cinema recebe cerca de 200 espectadores. Para se manter recebe um auxílio do Ministério da Cultura para complementação de renda. Em contrapartida exibe filmes já fora do circuito comercial e, principalmente, voltados para a família, como comédias românticas e filmes de animação.