Esta praça parece do interior do estado, mas fica em Natal

Aperte nestes botões para aumentar a fonte:

(Diminuir/Resetar/Aumentar)


Esta praça se chama José da Penha e fica em Natal, mais precisamente no bairro da Ribeira e fica frente à Igreja do Bom Jesus das Dores. Apesar de parecer que foi inaugurada no ano passado, a praça e a igreja provavelmente surgiu no século XVIII. Ou seja, ela existe há 300 anos.  A igreja denominou o logradouro até 1902. A Resolução Municipal n.º 74, de 05 de dezembro daquele ano, denominou  o local como praça Leão XIII, considerado um papa adaptado ao seu tempo.

Em 1919, o major Fortunato Aranha, intendente municipal construiu uma pracinha no local, incentivado pelo padre Pedro de Paulo Barbosa, vigário da Igreja do Bom Jesus e diretor espiritual do Seminário São Pedro, também jornalista, filólogo e filósofo.

A praça Leão XIII foi inaugurada em 12 de outubro de 1919, com a presença do governador Ferreira Chaves. Passou, então, a ostentar belos canteiros floridos e um coreto de alvenaria. Durante algum tempo, foi o ponto de encontro da alta sociedade da cidade, na época e onde circulava a juventude. A denominação Leão XIII foi decidida após serem divulgadas as realizações do pontífice: antes tinha-se cogitado outro nome para o lugar.

Finalmente, a 11 de outubro de 1930, a praça teve seu nome mudado para José da Penha, homenagem ao militar nascido em Angicos, que atingiu o posto de alferes a 03 de novembro de 1894. Alistou-se no Exército em 1890, aos 15 anos. Foi alferes (1894), tenente (1908) e capitão (1911). As biografias, que foram lidas pelo blog, o apontam que era um homem íntegro, de profunda assimilação dos princípios éticos, era inflexível no respeito a valores tais como justiça, dignidade e liberdade, pelos quais lutou às últimas conseqüências, por si e pelo seu povo.O Militar era um dos favores da Proclamação da República no Rio Grande do Norte. Penha faleceu no município de Miguel Calmon (CE), no dia 22 de fevereiro de 1914. Penha também virou nome de município do Rio Grande do Norte. 

A praça está próximo do casarão onde morou o capitão José da Penha.  Da praça inaugurada está totalmente diferente, a área reduzida, cortada para que se fizesse o prolongamento da avenida Tavares de Lira. Aonde ela fica? A praça é a primeira coisa que o natalense ou visitante pode ver assim que descer a famosa ladeira do Marpas ou da Avenida Rio Branco. Não está lembrado? Vamos colocar a imagem a seguir: