Jornalista potiguar cria um canal no You Tube para desmistificar o câncer de mama

Compartilhe:

Quando a gente pensa em câncer, muitos associam que a nossa vida acabou e que não tem mais jeito. Porém, algumas pessoas pensam diferente e acreditam que seja um recomeço. A jornalista potiguar Ana Patrícia Furtunato (com “U” mesmo) tem 34 anos e descobriu no ano passado que estava no câncer de mama. Neste momento, ela está passando pelo tratamento e resolveu criar um canal no You Tube, em parceria com a produtora Sirguela filmes. A intenção é desmistificar a doença sem os termos técnicos e de uma maneira simples para que o povo entenda.

No primeiro vídeo, de forma engraçada e desconstruída, postado na noite desta quinta-feira (11), ela conta como descobriu a doença, sem frescura e com muito humor. Em agosto, eu foi ao médico e marcou uma ultrassom, que detectou um nódulo no seio. Então, no dia 17 de outubro, ela fez uma biopsia que detectou que era câncer. “Quando eu peguei o resultado da biópsia, estava escrito carcinoma e meu conhecimento é suficientemente grande para saber o que era. A primeira coisa que pensei foi: “Eu tomei no c…Botei o exame dentro do envelope e fui para médica”, relatou a jornalista.

O câncer de mama pode ocorrer em mulheres e, raramente, em homens. Os sintomas do câncer de mama incluem um nódulo na mama, secreção com sangue pelo mamilo e mudanças na forma ou textura do mamilo ou da mama. O tratamento depende da fase do câncer. Pode envolver quimioterapia, radioterapia e cirurgia. Geralmente, a doença ocorre entre pessoas de 19 a 60 anos.

“Gente, ficar desesperada não iria resolver meu problema e muito menos tirar o câncer”, contou a jornalista, que prometeu falar mais sobre o tratamento em novos vídeos, que está começando a viralizar.

Em entrevista ao Brechando, Ana Patrícia nos contou que fora o vídeo de estreia, já tem mais três gravados, que contam sobre algumas fases do tratamento. Atualmente, ela está passando por um tratamento de quimioterapia. A quimio é dividida em três fases, a primeira termina na próxima segunda (15). Depois fará a segunda parte do tratamento que terminará até abril e, por último, a mastectomia (a retirada da mama).

“O motivo é que eu sou aquela pessoa que você viu no vídeo e aí, muita gente disse que eu precisava espalhar essa alegria pelo mundo. E assim eu fiz. Já era um desejo antigo fazer esse canal, agora foi só um assunto a mais”.

Confira o primeiro vídeo do canal a seguir:

Comentários no Facebook

Deixe uma resposta