Qual a cidade do RN que tem o pior IDH?

Compartilhe:

O IDH é a sigla para Índice de Desenvolvimento Humano, criado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) em 1990. Qual a intenção? Criar um foco do desenvolvimento econômico a partir de políticas centradas em pessoas. Portanto, a ONU além de pesquisar sobre o desenvolvimento humano de todos os países, o órgão também analisa os municípios, no qual a última pesquisa feita nas cidades brasileiras foi no ano de 2013.

Vamos ao foco do texto: Qual é o município do RN que tem o pior IDH? O índice considera indicadores de saúde, renda e educação. É a terceira vez que o órgão da ONU realiza o levantamento sobre a situação nos municípios do país – outras duas edições da pesquisa foram divulgadas em 1998 e 2003. O IDH dos municípios vai de 0 a 1: quanto mais próximo de zero, pior o desenvolvimento humano; quanto mais próximo de um, melhor.

A cidade de João Dias é considerado a cidade que possui o pior índice de desenvolvimento humano de todo o Rio Grande do Norte. O IDH é de 0,530. João Dias é um município brasileiro que fica próximo de Almino Afonso, na região Oeste Potiguar. A cidade também faz fronteira com a Paraíba. O Produto Interno Bruto do município, no ano de 2012, era de 11.337 reais, enquanto a renda per capita é de R$ 6528, 19. No ano de 2003, o índice de pobreza na região era de 50,19%.

Em 2012, a cidade tinha apenas seis escolas públicas de Ensino Fundamental (cinco eram municipais) e uma destinada para o Ensino Médio (Estadual). Apesar dessa quantidade, haviam apenas 104 matriculados no Ensino Médio e 485 pessoas na Educação Básica. Ou seja, menos da metade da população tem acesso ao ensino.

Além disso, mais de 160 pessoas entre 10 a 13 anos já trabalhavam.

Na parte de saúde, das 752 casas existentes, apenas 24,5% das casas possuem saneamento básico adequado. Sobre a quantidade de postos de saúdes, somente havia dois estabelecimentos de saúde pública, que prestava serviços ambulatoriais. Assim concluímos que quem tivesse algum problema mais grave era encaminhado para Mossoró.

De acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), no ano 2003 sua população era estimada em 2.578 habitantes, sendo que em 2010 este número aumentou para 2.601. A cidade foi criada no ano de 1963.

Das 167 cidades do Rio Grande do Norte, apenas quatro possuem Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) considerado “alto”, que são Parnamirim, Natal, Mossoró e Caicó. As outras cidades com os piores índices são Parazinho, Ielmo Marinho (região Metropolitana da capital potiguar), Lagoa de Pedras e São Bento do Norte.


Sobre Lara Paiva
Oi, eu sou o Goku. Mentira, meu nome é Lara. Sou jornalista formada pela UFRN, natural de Natal. Sempre fui de humanas. Tem um blog para expor as suas curiosidades e anseios desta vida e mostrar os diferentes lados da vida urbana.

Comentários no Facebook

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

Breche Também

error: Content is protected !!