As desvantagens de ter Mcdonald’s perto de casa

Compartilhe:

Minha casa fica muito perto de um dos Mc Donald’s existentes na cidade, no total existem oito. Mais precisamente à dois quarteirões e já ouvi muitas frases como:

“Nossa, que legal você mora perto do Mc”.

“Queria morar perto do Mc”.

“Nossa, você deve engordar horrores”.

“Se morasse perto do Mc, eu engordaria e ficaria pobre”.

Mas, quero desconstruir algumas dessas frases e refletir de como estamos acostumados demais a ter coisas com qualidades duvidosas só por ser mais fácil. Fico me lembrando do filme Wall-E de que as pessoas comiam sanduíches dentro da nave por ser prático e depois a vida ficou terrível, pois ficaram obesos e com capacidade motora ilimitada.

O fato de ter um Mc perto de casa me fez refletir e desconstruir diversas coisas que pensava durante toda a vida. Antigamente, quando viajava para cidades como Fortaleza e Recife, achava uma ideia de “cidade desenvolvida” ter a rede de fast food em cada canto da cidade e que Natal era terrível por ter apenas duas unidades da lanchonete.

Demorou muito para que os natalenses aceitassem a lanchonete made in USA, visto que o lance mesmo era comer no Pittsburg, uma lanchonete mais antiga e já querida pelos natalenses.

Em meados dos anos 2000, as duas franquias da cidade fecharam e as pessoas começaram a realmente sentir falta do Ronald Mcdonald e seus amigos. Reza a lenda que o estabelecimento fechou por conta da lenda que uma criança foi mordida por uma cobra em um dos brinquedos existentes.

Quando viajava com meus pais, nesta época, a primeira parada era comer um Mc Lanche Feliz. Quando estava no Ensino Médio, a lanchonete que ficava no shopping voltou e a utilizava como almoço, visto que era barato e o troco usava para brincar no Pump It Up. Mas, eu sempre ficava dizendo: “Seria tão legal ter MC na Avenida Engenheiro Roberto Freire, pois não precisava sair de carro para nenhum canto”.

Quando conheci o meu namorado, ele odiava Mc Donald’s e eu o “converti” para o lado junk food da coisa.  O meu “sonho” virou uma realidade no ano passado, quando instalaram uma unidade. Detalhe, dos oito restaurantes existentes na cidade, ele é razoalvelmente avaliado.

O que era felicidade acabou sendo um pesadelo por algumas razões.

  1. Comecei a engordar bastante.
  2. Usava o Mc como desculpa para não ter que cozinhar comida.
  3. Qualquer motivo vou ao Mc .
  4. Sempre vinha para o local depois que não conseguia acessar ao determinado restaurante, mesmo enfrentando uma enorme fila.
  5. Fiquei viciada no café da manhã da lanchonete.
  6. Comecei a gastar dinheiro por comida gordurosa ao invés de ir ao restaurante próximo que tem comida mais barata e mais saudável.
  7. Sexta-feira, horário do rush, onde todo mundo vai em direção as principais faculdades da Roberto Freire, você pega um trânsito infernal, por conta da fila do Drive-Thru.
  8. Me arrependo de ter comido demais.
  9. Já falei que é caro?
  10.  Mas, o local aceita vale alimentação.

Nós só vamos para o Mc Donald’s e outras redes de fast food próximas de nossas casas por conta da facilidade e por ser uma zona de conforto. Afinal, o sabor do quarteirão é o mesmo em todas as partes do mundo, não é?  Aonde você estiver, ela está também. E essa é sua principal vantagem, a acessibilidade. As pessoas vão ao local, mesmo que o atendimento não seja de cinco estrelas.

Quer dizer que o Mc é a comida mais gostosa do mundo? Não! Estamos muito acostumados em coisas práticas, não gostamos de fazer coisas difíceis e isso é um problema contemporâneo: as pessoas estão com preguiça de correr atrás de seus objetivos, inclusive de fazer uma comida que seja perfeita para seu paladar e saúde.

Precisamos sair da zona de conforto e esse recado vale para mim!


Sobre Lara Paiva
Oi, eu sou o Goku. Mentira, meu nome é Lara. Sou jornalista formada pela UFRN, natural de Natal. Sempre fui de humanas. Tem um blog para expor as suas curiosidades e anseios desta vida e mostrar os diferentes lados da vida urbana.

Comentários no Facebook

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

Breche Também

error: Content is protected !!