Quem são esses rapazes na foto?

Compartilhe:

A foto acima é de autoria do Herácles Dantas para o antigo Diário de Natal, na década de 80, mostra um trio muito famoso em Natal por fazer medo aos presos e também aos natalenses. Eram conhecidos pelo nome de Trio Ternura e mataram vários detentos no Complexo Penal João Chaves, localizado na zona Norte, ou chamado “carinhosamente” de Caldeirão do Diabo.

O nome do trio era Paulo Nicácio da Silva, conhecido como “Paulo Queixada”, Vlademir Alex Mendes de Oliveira, “Demir”, e Ivanaldo Félix da Silva, o Naldinho do Mereto.

Queixada lhes conheceu quando foi preso em 1983 após matar um médico e uma enfermeira no estacionamento da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), chegando a estuprar a vítima e colocar fogos nos corpos. Então, ele foi conduzido para a então Penitenciária Doutor João Chaves, que era a maior do estado naquela época. Lá, o Queixada conheceu Demir e Naldinho, formando assim o trio que fazia medo na cidade, principalmente as crianças.

A falta de controle da vida dentro da penitenciária João Chaves fez com que os presos, literalmente, matassem uns aos outros.

A Penitenciária Central Doutor João Chaves começou a ser construída em 1953. Porém, a obra só foi finalizada em 1968, no governo do Monsenhor Walfredo Gurgel. Em 2006, a penitenciária foi derrubada, dando lugar ao Complexo Cultural da Zona Norte.

Já dentro do “Caldeirão do Diabo”, Queixada ganhou o status de líder da cadeira. A condição foi ganha com a morte de 13 detentos ao longo dos anos. A liderança era dividida com Demir e Naldinho do Mereto, que retirava os olhos das vítimas para que elas não pudessem “reconhecer ele no inferno”. Algun dizem que o grupo teria até feito pactos demoníacos.

O final dos três foi trágico  e aconteceu no ano de 1995. Demir matou a facadas os dois amigos. Pouco tempo depois, o próprio Demir viria a ser assassinado dentro da cadeia por um novato chamado Chocolate.

De acordo com a Polícia Civil, Paulo Queixada foi assassinado por Demir porque ele havia se queixado de fortes dores no fígado. Depois, o Naldinho também foi assassinado por ser “braço direito” do Queixada. Isto foi o fim do Trio Ternura.


Sobre Lara Paiva
Oi, eu sou o Goku. Mentira, meu nome é Lara. Sou jornalista formada pela UFRN, natural de Natal. Sempre fui de humanas. Tem um blog para expor as suas curiosidades e anseios desta vida e mostrar os diferentes lados da vida urbana.

Comentários no Facebook

1 Comentário em Quem são esses rapazes na foto?

  1. Essa historia do trio ternura é surpreendente. Realmente a vida desses desgraçados ainda soam em um lugar remoto quanto ao meu Estado do Amazonas… Aqui, ali e acolá, quanto o papo é de criminalidade, eu falo sobre o trio ternura, que agora devem esta ardendo no fogo do inferno.

Deixe uma resposta

Breche Também

error: Content is protected !!