Essa pirâmide está em Pipa? É um projeto de arte

Compartilhe:

Este monumento foi instalado nesta semana na Praia de Pipa e faz parte de um projeto em parceria com a Prefeitura de Tibau do Sul. A escultura faz parte do Arte na Praia, cuja intenção é fazer aproximação da arte contemporânea com a população através da exposição de obras de arte em pontos de beleza cênica da orla do município.

A obra de arte contemporânea é assinado pelo escultor potiguar Demetrius Coelho, que nomeou a obra de “Pirâmides Interligadas” e a escultura em aço tem 7 de altura por 12 de comprimento.

A arte está no Chapadão, situado entra a praia do Amor e praia das Minas. A exposição de obra terá duração de seis meses em local indicado pela prefeitura. A execução e instalação da obra de arte deve obedecer a todas as condições expostas no relatório de impacto de vizinhança elaborado pela equipe técnica da prefeitura.

O material necessário para a produção da obra de arte, assim como transporte, instalação e remoção São de responsabilidade do artista. Já os custos com hospedagem e alimentação da equipe responsável pela fixação e remoção são de responsabilidade da Prefeitura.

A prefeitura, por sua vez, não se responsabilizará por danos ou prejuízos causados por extravios ou depreciação das obras de arte, exceto aqueles provenientes de falta de manutenção das obras. O Município é responsável pelo licenciamento ambiental da instalação e operação da obra de arte.

A proposta tem como objetivo, a partir da exposição de obras de arte em locais inesperados, provocar nas pessoas, situações mais reflexivas do que em lugares como uma sala de exposição ou um museu, por exemplo. Na praia, as pessoas estão relaxadas e podem se aproximar das ondas sem impedimentos preconcebidos.

De acordo com o site da prefeitura, a ideia é muito boa para o turismo, principalmente neste período que o município vive um processo de desenvolvimento e urbanização subordinado a lógica da atividade turística devidos aos inúmeros resorts, hotéis e pousadas, bares e restaurantes, barracas de praia, feiras de artesanatos, casas de veraneio e de agitada vida noturna.

Tibau do Sul é uma cidade litorânea formada por dunas, falésias, Lagoa, mangues, mata atlântica e um mar exuberante, o município possui um patrimônio ambiental e paisagístico reconhecido nacional e Internacionalmente. Tais características inseriram o município na rota do Turismo nacional e Internacional, especialmente a partir da década de 1990, com o incremento do Turismo no litoral nordestino e a ampliação da infraestrutura voltada para esta atividade.

O projeto Arte na Praia tem como público alvo os turistas nacionais e internacionais que visitam o município, os estudantes da rede pública de ensino e a população do município.

Outros artistas plásticos convidados devem ser brasileiros residentes em qualquer unidade de federação ou estrangeiros residentes no Brasil há mais de dois anos. Coletivos artísticos também poderão participar, desde que obedeçam ao critério descrito anteriormente. A primeira edição do projeto Arte na Praia terá a participação de artistas ou coletivo convidado cujo conjunto de sua obra tenha reconhecimento local e nacional.

O artista ou coletivo convidado para participar do projeto não receberá da prefeitura nenhum benefício financeiro pela participação do projeto. Os artistas podem buscar patrocinadores ou benfeitores que financiem os custos de execução e instalação das obras.


Sobre Lara Paiva
Oi, eu sou o Goku. Mentira, meu nome é Lara. Sou jornalista formada pela UFRN, natural de Natal. Sempre fui de humanas. Tem um blog para expor as suas curiosidades e anseios desta vida e mostrar os diferentes lados da vida urbana.

Comentários no Facebook

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

Breche Também

error: Content is protected !!