Conheça a Lagoa de Arituba

Compartilhe:

Durante as minhas brechadas no final de dezembro, eu resolvi ir para cantos que nunca tinha ido no Rio Grande do Norte. Um deles é a famosa Lagoa de Arituba. É uma ótima opção para quem quer matar o calor, mas odeia aquela água salgada do mar e areia na sua pele. Consegui ficar o dia todo e foi bem divertido, ótima dica para quem quer rodar o carnaval no litoral Sul do estado.

_DSC0718

Aconteceu em um dia bem espontâneo, quando estava na internet vendo seriado, e recebo a notificação de uma amiga.

– Ei, vamos para Lagoa de Arituba. Bora?

– Estou sem carro, mulher. Como vou?

– Eu te forneço carona, bora. Vai ser divertido. Às 9 horas, eu passo na tua casa.

Stand Up Pandle (Foto: Felipe Magno)
Stand Up Pandle (Foto: Felipe Magno)

Sim, ela chegou pontualmente neste horário e tava terminando de colocar o protetor solar. Entrei no carro e começou a aventura de verão. Durante o caminho, a gente ficou discutindo sobre Star Wars. Chegamos e estacionamos o carro, a lagoa estava lotada, mesmo numa terça-feira.

Localizada no município de Nísia Floresta, próximo da praia de Tabatinga, é uma lagoa grande e popular. Uma das opções de diversões são os pedalinhos, pranchas de stand up pandle e os caiaques. Quando fui brechar a lagoa, eu optei em fazer um passeio nas pranchas e custa 25 reais andando duras horas, além de ter pessoas orientando como usar uma prancha de surf em versão maior como “embarcação”.

Sobre a água, ela é gelada e deu para matar o calor.

Fiquei nesta prancha e é um ótimo exercício físico, pois meche braço, perna e é muito difícil ficar em pé na prancha. No outro dia acordei toda dolorida após se esforçar.

Antes que esqueça, existe uma bolha. Como assim? A pessoa fica dentro de uma bolha que é inflada e depois o visitante é jogado no mar. O desafio é ficar se equilibrando na estrutura, algo que é bastante difícil. Sim, você vai parecer aqueles hamsters que andam na rodinha da gaiola. É divertido, mas cuidado para não ter crise de claustrofobia. Essa façanha dura em média cinco a 10 minutos.

A bolha (Foto: Felipe Magno)
A bolha (Foto: Felipe Magno)

Minha amiga logo disse:

– Quero ir nessa bolha, parece ser divertido!

Ela foi com uma outra amiga nossa e a ideia foi abaixo das expectativas. A única parte divertida foi quando elas se chocaram e quase foram atropeladas por um pedalinho.

– É agonizante, fica com medo de ficar sem ar! – dizia ela quando saiu do local.

Também tem tirolesa, onde o visitante sobe numa torre metálica, que deslizará de uma margem à outra da lagoa e você escolhe o ponto em que se jogará na água. Vale a pena se você for um pouco mais corajoso, porém não quis me arriscar.

E as gordinagens? Existem algumas barracas em volta da lagoa, que oferecem petiscos, almoços e bebidas, onde algumas chegam oferecer internet wi-fi para aqueles que não cansam de postar fotos/vídeos no Instagram e Snapchat.

Esta possui uma infraestrutura para receber turistas que querem ficar hospedados por aqui, visto que há muitas pousadas em Tabatinga. Existe também a possibilidade de alugar casas de veraneio para quem viaja em grupos maiores e quer um lugar mais exclusivo para ficar.

A Lagoa de Arituba e faz parte do Roteiro das Águas, um passeio alternativo montado por bugueiros da região e que se popularizou entre todas as agências de turismo. Foi um ótimo dia de verão!


Sobre Lara Paiva
Oi, eu sou o Goku. Mentira, meu nome é Lara. Sou jornalista formada pela UFRN, natural de Natal. Sempre fui de humanas. Tem um blog para expor as suas curiosidades e anseios desta vida e mostrar os diferentes lados da vida urbana.

Comentários no Facebook

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

Breche Também

error: Content is protected !!