Sinal para pedestre que era para funcionar direito

Compartilhe:

16 horas deste sábado (5), eu resolvi atravessar a Avenida Engenheiro Roberto Freire, cujo meu objetivo era pegar um ônibus para ir à loja de tabuleiros Dunas, jogar com os amigos e o meu namorado. Após algumas andanças cheguei na calçada próxima de um semáforo. O cruzamento tinha seis sinais de trânsito, sendo que dois para carros e quatro para pedestre, sendo que espalhados no sentido de ida e volta.

O de pedestre deveria estar funcionando, tanto que tinha uma placa no qual dizia uma frase parecida com esta: “Aperte este botão para liberar a passagem”.

Então, eu resolvi apertar o botão, conforme a foto a seguir:

image

Mas, cadê que o semáforo funciona? Então, eu tive que esperar em torno de 10 minutos para que o semáforo de carros ficasse vermelho para poder finalmente andar na faixa de pedestre. O sinal ficou vermelho, finalmente! Durante a caminhada de dois minutos, eu percebi vários erros, que listarei a seguir:

1) O botão estava quebrando e os fios estavam quebrados

2) Os outros sinais para pedestres que tem estes botões também não funcionam.

3) Um deles está com o fio solto no meio da via, podendo causar algum acidente tanto para quem anda de carro quanto aquele que vai aos lugares usando as suas próprias pernas.

4) Alguns estão quebrados por alguém “misteriosamente” tenha quebrado.

Aí vai alguns questionamentos:

1) Por que ainda não repararam?

2) A Avenida Roberto Freire é de responsabilidade do estado ou Município?

3) Faz quanto tempo que estes sinais estão quebrados?

image

Não conseguirei nesta postagem responder todas as minhas dúvidas. Porém, a verdade que estes sinais precisam ser consertados, uma vez que a Roberto Freire é uma via bastante agitada (mesmo com os radares para controlar a velocidade), só existe uma passarela para atravessar e são poucos motoristas que respeitam a faixa de pedestre ou o sinal de trânsito (já presenciei várias vezes as pessoas furando em plena luz do dia).

Sem contar que a via é recheada de universidades, lojas e restaurantes, no qual vai ter muita gente que precisa atravessar a avenida para pegar o ônibus no sentido zona Norte.

Então, bora ajeitar este negócio!


Sobre Lara Paiva
Oi, eu sou o Goku. Mentira, meu nome é Lara. Sou jornalista formada pela UFRN, natural de Natal. Sempre fui de humanas. Tem um blog para expor as suas curiosidades e anseios desta vida e mostrar os diferentes lados da vida urbana.

Comentários no Facebook

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

Breche Também

error: Content is protected !!