Prefeito e pasta administrativa tem que ter o mesmo salário dos professores?

Compartilhe:

A vereadora Amanda Gurgel é filiada ao PSTU. É professora e foi a mais votada na eleição de 2012, com mais de 32 mil votos. Gurgel tem projetos mais voltados para a educação e é conhecida pelas lutas contra o aumento de passagem do ônibus, sempre a favor da greve dos servidores públicos e já bateu de frente com diversas atrocidades. E ela está próxima de preparar um projeto curioso.

A professora está preparando um projeto que sugere igualar os salários dos vereadores, secretários e do prefeito ao salário médio dos professores da rede pública de Natal. Ela destaca que a matéria já está em tramitação da Câmara Municipal de Natal. No ano que vem, ela pretende se candidatar como prefeita.

O objetivo do projeto é combater os privilégios dos políticos. A parlamentar lembra ainda que desde que assumiu o mandato de vereadora, nunca recebeu a remuneração integral como parlamentar em Natal. Em suma, ela recebe o salário equivalente aos professores e o restante do salário é doado para movimentos sociais do país, algo que foi prometido durante a campanha eleitoral.

Recentemente, ela criticou o prefeito de Natal por declaração feita no twitter. Carlos Eduardo disse que o poder público no Brasil está contaminado de privilégios e regalias. “Seria importante que o prefeito respondesse se ele está referindo a ele mesmo, com um salário de R$ 20 mil e com um gabinete que tem R$ 3,7 milhões.”, disse o tweet da vereadora.


Sobre Lara Paiva
Oi, eu sou o Goku. Mentira, meu nome é Lara. Sou jornalista formada pela UFRN, natural de Natal. Sempre fui de humanas. Tem um blog para expor as suas curiosidades e anseios desta vida e mostrar os diferentes lados da vida urbana.

Comentários no Facebook

Breche Também

error: Content is protected !!